X
    Categorias: Melhores Franquias

O que é franquia: como funciona

O que é franquia? A franquia é um acordo que se dá entre duas partes, o franqueador e o franqueado. Nesse sistema o franqueador, que é proprietário de um modelo de negócios de sucesso, cede ao franqueado, por um valor a ser acordado entre as partes, os direitos desse empreendimento.

Se você já se cansou de trabalhar para os outros e quer abrir o seu próprio negócio, mas não que se arriscar a começar um novo empreendimento do zero, tendo que estudar todo o mercado e ver qual a área que poderia te proporcionar um bom retorno financeiro, o sistema de franquias é a solução ideal para esse seu objetivo.

Por exemplo, o dono do Outback, um restaurante já consolidado no mercado e com altas margens de lucro cede a uma pessoa interessada o direito de utilizar essa marca por um tempo indeterminado para abrir uma franquia desse restaurante que siga os padrões de qualidade do empreendimento original.

É importante lembrar que o franqueado deve seguir uma série de regras e normas impostas pelo franqueador, para que esse acordo seja válido e a qualidade do negócio de quem ofereça a franquia não caia devido às más gestões dos seus franqueados.

Além disso, o franqueado recebe o direito de atuação empresarial autônoma. Ou seja, os estabelecimentos são independentes entre si. (Foto: UOL Economia)

Benefícios de ter uma empresa franqueada

Por gerar benefícios para ambas as partes, ao franqueado por investir em um modelo de negócios já consolidado e com um sucesso já comprovado, não tendo que estudar o mercado para encontrar uma oportunidade de investir e ao franqueador por gerar uma renda extra, tanto na taxa de franquias como também nos royalties, o número de franquias teve sucessivos aumentos nos últimos anos.

Segundo a Associação Brasileira de Franquias (ABF) desde 2001 o faturamento proporcional que o setor de franquias teve nos últimos 10 anos foi maior do que o PIB do país. Pois, enquanto o faturamento desse setor foi de 29 bilhões em 2003 para 115 bilhoes em 2015, uma elevação de quase 400%, o PIB brasileiro foi de 2 trilhões para 6 trilhões, uma elevação na margem dos 300%.

Ademais, o número de redes abertas foi de 678 para 2073, demostrando que os investidores têm acredito nesse modelo de negócio, que bem gerenciado, pode ser uma saída viável para a crise que o Brasil enfrenta atualmente.

Razões para o crescimento das franquias

Uma das razões para esse crescimento acelerado foi a criação de uma lei de franquias específica, a qual gera segurança para os franqueados. Nessa lei existe um dispositivo chamado Circular de Oferta de Franquias (COF), que é um dos documentos mais importantes no Sistema de Franchising. Ela deve descrever de forma clara e objetiva o negócio franqueado e também apresentar uma série de informações importantes sobre a franquia, como:

-Balanços financeiros dos últimos cincos anos: Dessa forma o franqueado possa calcular quanto será o seu ROI em cima do investimento inicial;
-Valores de taxas: Tanto os royalties que o franqueado deve pagar, como também a taxa de franquia para a abertura desse negócio
-Suporte oferecido pela franqueadora: Quais os auxílios que o franqueador dará nos primeiros meses da implantação do negócio ao fraqueado

Foto: inFlux Blog

Leia mais:
Docsystem franquia: como funciona
Franquias da Farmácia do Trabalhador do Brasil: Valor

Todos esses aspectos levarão o franqueado a tomar a melhor decisão sobre a aquisição ou não desse empreendimento.

Outra razão que levou ao crescimento acelerado das franquias nos últimos anos foram os benefícios oferecidos pelos bancos para esse tipo de empreendimento, já que muitas taxas para os franqueados iniciarem seus estabelecimentos tiveram condições especiais, principalmente pelo boom econômico que o Brasil teve nos últimos anos, antes da crise econômica chegar ao país.

Dicas para abrir uma franquia

Para quem pretende ser dono do próprio negócio, é importante fazer algumas verificações antes de adquirir uma franquia, para diminuir o risco desse empreendimento fracassar, por qualquer razão que seja. São elas:

  • Planeje bem suas finanças e veja se você realmente tem o perfil para ser dono do próprio negócio;
  • Observe o mercado e determine qual área seria a mais adequada para você
  • Analise as empresas que se encaixam no seu perfil;
  • Peça o Cof e examine as condições da empresa na qual você deseja se tornar um franqueado

Essas são algumas das informações básicas sobre a franquia e como ela funciona, caso tenha mais alguma dúvida, deixe o seu comentário abaixo e participe desse post.

O que é franquia: como funciona
Avalie esta matéria!
Renato Ferraz de Jesus: