Franquia Starbucks no Brasil: licença, valor, como funciona, faturamento

Com a franquia Starbucks você poderá representar uma marca consolidada mundialmente e terá acesso a produtos de alta qualidade

Interessado na Franquia Starbucks? O Starbucks é a maior empresa de cafeterias do mundo, com mais de 24 mil lojas espalhadas por 75 países.

E o Brasil é o 2° país em que mais se consome café (por volume), no Planeta: foram demandadas 20,5 milhões de sacas, em 2015, cerca de 81 litros para cada habitante, por ano! Além disso, o país é o 1° produtor do grão no mundo, com 30 a 40% do mercado mundial.

Com a popularização da marca pela internet, principalmente em aplicativos como o Instagram e o Tumblr, cada vez mais brasileiros a conhecem, e passam a ter vontade de consumir seus produtos.

Então, o que é preciso para abrir uma franquia Starbucks no Brasil?

Franquia Starbucks no Brasil

Uma informação extremamente importante é que o Starbucks não vende um modelo de franquia, mas sim a licença da marca, ou seja: você compra o direito de usar o “Starbucks” em sua loja de café, ganha o direito de preparar as receitas e de conhecer o funcionamento de uma loja modelo, nos Estados Unidos.

O modelo de licença oferece uma grande facilidade: as limitações são bem menores, já que, por exemplo, o café deve ser sempre o mesmo, mas as formas de preparo, os lanches servidos e as configurações da loja podem variar.

Apesar disso, é sempre adequado seguir um padrão, já que é a identidade de uma marca forte que faz a empresa ter sucesso.

franquia Starbucks

A franquia Starbucks é sinônimo de café expresso de qualidade. (Foto: Metro Jornal)

Saiba ainda: Franquia Smart Fit: Quanto custa? Vale a pena o investimento?

Curiosamente, em um país que já dependeu da bebida para crescer economicamente, existem apenas 2 cidades com franquia do Starbucks: todas as 113 lojas estão situadas em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Há bastante demanda do público para que as lojas sejam levadas a outras cidades, e, claro, existe essa possibilidade, porém, a curto prazo, não há nada divulgado por parte dos responsáveis da marca, no país.

Como funciona

O Starbucks, no Brasil, funciona como um modelo de gestão. A marca delega a parceiros o controle e todas as responsabilidades da loja, no país.

No Brasil, desde 2018, é a SouthRock Capital, empresa que opera restaurantes multimarcas, que comanda as lojas da Starbucks.

Valor do investimento

Não há informações, diretamente no site da empresa, sobre os valores para abrir uma unidade da Starbucks, além de existirem modelos para diversas funções, como para escritórios, universidades e ambientes de cuidados com a saúde.

Porém, é possível ter uma base com informações do site Britânico da empresa: lá, é requerido um capital líquido de, no mínimo, 500 mil libras, além da capacidade de abrir 20 unidades em até 5 anos – tudo isso para ter a licença da marca!

Além disso, é preciso somar o valor do ponto: aluguel, impostos, taxas e demais encargos que sejam envolvidos com o local onde se pretende instalar, pagamentos para empregados, treinamentos e divulgação.

Faturamento da franquia

Essa é uma outra informação difícil de obter, já que a empresa responsável não divulga os números da marca, no país.

Em 2017, o faturamento da empresa americana foi de 22,39 bilhões de dólares, pelo mundo todo.

As 113 lojas da marca, no Brasil, faturaram, aproximadamente, 250 milhões juntas, em 2017.

Como conseguir a licença

Para conseguir uma licença do Starbucks, é preciso entrar em contato com a marca, informando dados como CPF, RG, informações financeiras, entre outros que eles possam pedir.

No Brasil, porém, a licença já pertence à SouthRock Capital.

como funciona starbucks

(Foto: PEGN)

Leia mais: Franquias Online Baratas e Lucrativas: 30 ideias de sucesso para 2018

Contato Starbucks  

A maneira mais fácil para fazer contato com o Starbucks é através do site da empresa.

Para fazer contato com a Sede, nos EUA, basta acessar as informações no site oficial.

Vantagens de abrir uma loja Starbucks

Se, por um lado, é bastante caro para abrir uma cafeteria Starbucks no brasil, por outro, é muito vantajoso.

A marca responde pela maior rede de cafés do mundo, sendo bastante consolidada, com uma clientela internacional e crescente.

Toda a identidade da Starbucks já está construída, e as receitas, preparos e produtos à venda já têm público fiel, e vêm prontos para quem quer investir nas lojas.

Além disso, por ter clientes que já são verdadeiros fãs, a divulgação da marca é feita gratuitamente todos os dias pelas diversas redes sociais, o que é muito mais fácil do que iniciar uma ideia do zero.

Como se não bastasse, a ideia de ser um terceiro lugar entre a casa e o trabalho, onde é possível frequentar para passar um tempo de maneira aconchegante, com acesso a uma boa rede de wi-fi e um ambiente agradável já está bastante consolidada e vinculada à rede do Starbucks.

Infelizmente, criar uma franquia do Starbucks não é uma ideia possível, e, ter uma loja no Brasil já não é mais viável, tendo em vista que a gestão foi recentemente adquirida por uma empresa.

Entretanto, considerando que as ideias de expansão das cafeterias no país são cada vez mais intensas, pode ser bastante possível se movimentar para que uma loja seja colocada em sua cidade, e talvez até desenvolver a direção da sede juntamente com a gestora no país!

Franquia Starbucks no Brasil: licença, valor, como funciona, faturamento
Avalie esta matéria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*